Tiro no pé...

Existem momentos que o silencio e a paz é bem vinda. Uma vez me falou o grande Leão Neto do Carmo, quando estagiava em seu escritório: que "não existe advogado que nunca perdeu causa, quem nunca perdeu nunca advogou! pois, existem causas impossiveis de se ganhar"...então o criminalista Rene Siufi levantou questão para Alcides Bernal entregar o seu celular, já que o vereador Jamal (que faliu a secretaria de Saúde em sua gestão como secretário e deveria estar quieto e "fumar o cachimbo da paz", mas quer guerra) levantou a acusação que Bernal lhe ofereceu dinheiro para mudar de lado...pergunto:
- que dinheiro, cara-pálida!?
quem tinha dinheiro eram os empreiteiros que estavam perdendo a mamata de contratos super-faturados,e não Bernal, que vivia todos os dias sendo atacado pelos sanguessugas dos cofres públicos.
Mas, o criminalista acha por bem Bernal entregar o celular, e fazer uma perícia no aparelho, quando teve 6 votos contra sua cassação e 23 vereadores votaram favorável. Realmente hilário,! para não se dizer que começaram o "jus sperniandis" , ou melhor explicando, "o direito de enrolar" nesta ação criminal impossível de se absolver os culpados...na minha ótica, com as provas produzidas pela Policia Federal desde 2012, gravações de todos que circundavam João Amorim, querer produzir fato novo não vai dar em nada, ao contrário, vai piorar a situação para os acusados (19 vereadores) que vão ter seus sigilosos telefonicos, de dados, bancario e correspondencia quebrados, lembrando que até agora somente 12 vereadores foram intimados a entregarem seus celulares para pericia nos celulares em whatsapp e facebook e rede sociais.
Se o GAECO resolver acatar o pedido do criminalista Rene Siufi, na certa vai requerer os aparelhos celulares dos outros 11 vereadores que votaram a cassação de Bernal, entre eles Rose Modesto, João Rocha, Carla Stephanini, Chiquinho Teles, Coringa,Delei Pinheiro, Vanderlei Cabeludo e outros...se eles tiverem algum deslize, estão ferrados, vão entrar no chumbo grosso e algum pode optar pela "delação premiada" para não se ferrar de vez...
Aí a casa cai!!!
Existem, momentos na politica, que é necessário cautela e inteligência para saber sair da turbulência sem pânico. No caso, o criminalista que é advogado de Puccinelli, querendo "dar uma de esperto" produziu este fato que vai deixando claro que Puccinelli não está "nem ai para ninguém", e quer mais é salvar a própria pele, e que "se lasque os outros"...quem não abrir os olhos vai ter sua vida desgraçada igual a Marcos Valério, o carequinha do mensalão, que pegou 45 anos de cadeia para proteger Lula e agora está se ferrando no presidio...será que alguém vai proteger o André?...vai brincando...o Brasil está mudando...
* JUS SPERNIANDIS: Se pronuncia: "Iús Sperniândis". Expressão latina que não existe de fato, mas foi criada nos meios acadêmicos por estudantes de Direito e empregada atualmente até por professores da área, apenas no meio estudantil. Não é escrita e não existe no mundo jurídico. É uma forma de dizer que a coisa ou fato está "esperneando" ou terminando, concluindo ou definhando, ou esperneando em razão de não ter recurso juridico para o fato.
Sergio Maidana
Advogado em Campo Grande