Policial é flagrado mandando arrancar a cabeça de presidiário (veja o vídeo)

11/01/2017 às 17:30

A barbárie no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, em Manaus, teve participação efetiva da própria Polícia Militar do Amazonas.

A PM (ou alguns PMs) amazonenses tem um vínculo com a facção criminosa Família do Norte (FDN).

No vídeo que pode ser visto no final da matéria, o policial dedura um presidiário para um tal ‘Zé Roberto’. Trata-se de José Roberto Fernandes Barbosa, líder da FDN, preso na Penitenciária de Campo Grande (MS).

O presidiário é Adonai Leocádio da Silva, de 18 anos, que tem tatuado nas costas a sigla ‘PCC’, preso logo após o massacre.

O PM ‘dedo-duro’ aponta a sigla e diz ‘Olha aí Zé Roberto, tem de arrancar mais uma cabeça ai’.

A FDN e o PCC estão declaradamente em guerra.

da Redação

O crédito do vídeo é da TV Folha.

Veja abaixo:


Ops! Não foi possível realizar sua inscrição.

Inscrição realizada!

E-mail inválido