Depressivo e sem salário, policial do Rio comete suicídio e transmite ao vivo pelo Facebook

29/01/2017 às 20:16

Uma cena chocante, desesperadora e incompreensível.

Douglas Vieira de Jesus, um soldado da polícia militar do Rio de Janeiro, de 28 anos idade, neste sábado (28), resolveu filmar o seu próprio fim e transmitir ao vivo pelo Facebook.

Na medida que os fatos foram se desenrolando e o ato fatídico foi anunciado, os amigos do PM clamavam para que ele não cometesse o ato insano.

Não adiantou. Douglas acionou o gatilho contra a própria cabeça.

O rapaz deixa uma filha de um ano e três meses. 

Segundo a ex-mulher, Rayane Cristina dos Santos, ele tinha um histórico de depressão, mas a gota d’agua para esse desfecho foi o atraso no pagamento dos servidores do Rio de Janeiro. 

Depressivo, endividado e com o aluguel atrasado, Douglas partiu para a atitude extrema.

Cópias do vídeo circulam pelo Facebook, Youtube e grupos no WhatsApp. O original foi retirado do ar.

da Redação

Ops! Não foi possível realizar sua inscrição.

Inscrição realizada!

E-mail inválido