70 mil reais por uma ‘defecada’ pretende gastar autoridade de MS

Uma autoridade de Mato Grosso do Sul pretende gastar 70 mil reais numa reforma do banheiro privativo de seu gabinete.

Um absurdo! Inaceitável.

No tal banheiro, a tal autoridade pretende colocar uma privada de mais de mil reais. Serão ainda trocadas as instalações por peças mais modernas e caras, projetadas sob medida em quartzo e em materiais descritos com riqueza de detalhes no projeto. 

Na justificativa para o gasto, ele pontuou que a intenção é ‘melhorar as condições de conforto físico-psicológico’ e completou ‘visando maior funcionalidade e estética para o atendimento das necessidades pertinentes a esses ambientes’.

Diante disso, o correto é denunciar o abuso e o gasto desnecessário ao Ministério Público.

Epa! A tal ‘autoridade’ é justamente o Procurador-Geral de Justiça de MS, o chefe do Ministério Público.

É a lama!

da Redação