A senha de Lula: ‘Depois o Palocci conversa o detalhe burocrático’, diz Feira

O marqueteiro João Santana depôs nesta terça-feira (18) ao juiz Sérgio Moro e abriu o jogo sobre sua relação promíscua com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Santana contou como iniciou o seu trabalho para o ex-presidente, que, na época, em agosto de 2005, estava ‘muito fragilizado’, era o ápice do mensalão.

Sobre dinheiro, a senha de Lula foi a seguinte: ‘Olha, qualquer detalhe mais burocrático, depois o Palocci conversa com você'.

Assim, Lula delegou a Palocci as questões burocráticas da contratação do marqueteiro, que, por sua vez, indicou Mônica Moura para cuidar do assunto.

Para convencê-lo sobre o recebimento em caixa dois, o argumento de Palocci foi na tentativa de tranquilizar o marqueteiro. ‘Nós temos uma empresa que dá total garantia para a realização, para fazer um pagamento. Você deve conhecer, você é baiano, Odebrecht’, disse Palocci.

A delação de Palocci, ora em andamento, vai definitivamente fechar a questão.

Palocci era o homem dos ‘assuntos burocráticos’ de Lula, com o pleno conhecimento da ‘alma mais honesta do Brasil’.

Amanda Acosta

[email protected]

https://www.facebook.com/amanda.acosta.3956