Crime passional é provável causa de assassinato de cantor amazonense

O cantor Melvino de Jesus Junior, vocalista da ‘Junior e Banda’, morreu assassinado na noite deste sábado (29) na cidade de Codajas (AM), onde faria uma apresentação.

A ‘Junior e Banda’ é famosa em Manaus, extremamente prestigiada pelo público amazonense, uma das mais conhecidas do estado.

Segundo informações levantadas até o momento, Melvino estava na companhia de uma mulher, que provavelmente havia recém-conhecido na cidade. A tal mulher seria casada e o marido foi avisado de que ela estava com o cantor no hotel.

O autor dos tiros teria sido o marido enciumado desta mulher.

Além de Melvino Junior, outras duas pessoas foram atingidas pelos tiros, na saída do hotel.

O cantor não resistiu.

da Redação