Duque pretende devolver muito dinheiro e entregar as provas documentais

O depoimento de Renato Duque na última sexta-feira (5) tem dois complementos.

Um, é a devolução da propina, a qual ele atribui o valor de cerca de 70 milhões de reais.

‘Gostaria novamente de enfatizar meu interesse de assinar uma repatriação que for necessário para que esse dinheiro venha e volte aí pra quem de direito’, disse Duque.

O outro complemento é um farto material documental que o ex-diretor da Petrobras tem guardado.

Renato Duque era o homem do PT na Petrobras e distribuiu milionárias propinas para Lula, Dirceu e Palocci.

Segundo os seus advogados, serão entregues documentos, fotografias e registros de viagem, que corroboram tudo o que foi dito perante o juiz Sérgio Moro.

É a contagem regressiva...

da Redação