Lula terá que mentir ou ficar doente, pois depoimento está mantido pela Justiça

A Justiça negou nesta terça-feira (9) o pedido da defesa do ex-presidente Lula que pretendia suspender o processo do tríplex do Guarujá e evitar que ele comparecesse para depor.

Sabe-se que Lula está muito nervoso e aguardava com ansiedade o resultado deste recurso.

A decisão é do juiz federal Nivaldo Brunoni, convocado para substituir o desembargador federal relator da Lava Jato na 8ª Turma, em Porto Alegre, João Pedro Gebran Neto.

Existe um boato, ainda sem confirmação, de que os advogados do ex-presidente estudam atravessar um atestado médico para livrar o petista da obrigação de explicar nesta quarta-feira (10) para a Justiça que não é dono do tríplex.

Lula está em estado de muita apreensão e medo.

O Jornal da Cidade Online está tentando contato com a defesa de Lula, mas ainda sem sucesso.

da Redação